APLB

terça-feira, 15 de setembro de 2015

Semana de Segurança em Ilhéus será aberta domingo com passeio ciclístico



A Semana de Segurança, incluída no calendário letivo da rede municipal de ensino de Ilhéus, será aberta no próximo domingo, dia 20, com um passeio ciclístico contando com a participação de pais, alunos, policiais militares, trabalhadores em educação e membros da comunidade que querem se engajar nessa luta pela paz e contra a violência dentro e fora das escolas. O evento faz parte de um conjunto de ações da campanha “”Ilhéus sem violência é bem melhor”, promovida pela APPI/APLB-Sindicato, Polícia Militar e Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Loja Maçônica Regeneração Sul Bahiana, Conselho Tutelar e Grupamento de Bombeiros Militar.

De acordo com a programação, a concentração será às 8 horas da manhã na avenida Soares Lopes, em frente à sede da 68ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), seguindo pelas ruas de Ilhéus e encerrando com uma confraternização entre os participantes. A proposta é que todos juntos, vestidos de camisas brancas, possam ir às ruas denunciar a violência, o uso de drogas e ingressem na luta pela paz. O presidente da APPI, Osman Nogueira Junior, explica que debater sobre a paz e combater a violência dentro e fora das unidades escolares são deveres de todos, daí a importância da participação não somente das escolas públicas e particulares, como também de toda a sociedade civil nessa campanha.

A Semana de Segurança será realizada de 20 a 26 de setembro e nesse período serão realizadas diversas ações educativas, como palestras nas escolas, reflexões sobre a violência a realidade de cada aluno. Também será realizado um concurso de desenho com os alunos da educação infantil e ensino fundamental I e um concurso de redação com os alunos do ensino fundamental II e ensino médio, todos com temas ligados à paz e a segurança e contra o uso de drogas. A ideia é envolver os alunos e orientar os estudantes para que possam dizer sim à vida e não às drogas e a violência. Os três melhores trabalhados de cada categoria serão premiados. Também no dia 26 de setembro será realizada uma grande caminhada pela paz.

Escola Crie é arrombada pela 18ª vez

Pode parecer exagero, mas é a pura verdade. O Centro de Referência à Inclusão Social em Ilhéus (Crie), situado na avenida Itabuna, que atua no atendimento de educação especializada, foi arrombado mais uma vez esta semana. Esta já a 18ª vez que a unidade de atendimento é invadida. Dessa vez os marginais levaram o aparelho de TV, objetos utilizados na educação dos alunos, dinheiro e destruíram jogos utilizados pelas crianças.

A falta de segurança na unidade já foi comunicada por diversas vezes na Secretaria Municipal de Educação, mas até agora nada foi feito. Como não encontram resistência para entrar na unidade, os arrombadores invadem o Crie, promovem a desordem e levam o que encontram pela frente. Os professores revelaram que essa ação dos marginais já virou rotina.

Com diversos profissionais, entre os quais pedagogos, psicopedagogos e psicólogos, o Centro de Referência à Inclusão Escolar (Crie) atende  dezenas de crianças, adolescentes e adultos. O espaço trabalha com portadores de deficiências visuais, auditivas e intelectuais, além de crianças com distúrbios de aprendizagem (dislexia e transtorno do déficit de atenção por hiperatividade).

Com recursos do MEC, o Centro de Referência à Inclusão Escolar (Crie) também viabiliza a doação de cadeiras de roda, bengalas, andadores e diversos materiais adaptados. Vinculado à secretaria municipal de Educação e em funcionamento em Ilhéus desde 2001, o Crie está localizado na avenida Itabuna, número 1956.