APLB

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Salários de dezembro para quem ganha até R$ 916,00 já estão na conta

Boa notícia: Os salários dos trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus, para quem ganha até R$ 916,00, já estão na conta dos servidores. Os recursos foram desbloqueados esta semana pelo juiz de direito substituto da 2ª Vara de Feitos de Relação de Consumo Civil e Comercial da Comarca de Ilhéus, Eduardo Gil Guerreiro, através de uma ação movida pela APPI/APLB-Sindicato. Os demais pagamentos serão discutidos na reunião da comissão que está sendo criada para avaliar e resolver as pendências.

Tabela de Cálculo do Imposto de Renda


quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Trabalhadores em educação realizarão assembleia antes do início do ano letivo

Foto - Imprensa APPI
Os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus estarão realizando uma assembleia no próximo dia 14 de fevereiro, antes do início do ano letivo, para avaliar se as promessas de pagamento dos salários dos servidores, feitas pelo prefeito Jabes Ribeiro, estão sendo cumpridas e quais as medidas que serão adotadas para resolver as pendências com relação às quitações dos débitos. A decisão foi tomada pela categoria durante a assembleia realizada na manhã desta quarta-feira (30), no auditório do IME-Centro, onde foram discutidos assuntos como o pagamento dos salários de dezembro, quitação dos salários de janeiro, 1/3 de férias dos professores, revogação do Decreto 006/2013 que demitiu os concursados e ainda o pagamento do 13º salário dos servidores cotnratados.

Durante a assembleia, o diretor da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, Osman Nogueira Júnior, informou que o secretário de Administração da Prefeitura de Ilhéus, Ricardo Machado, garantiu que nesta quarta-feira (30) estariam na conta de todos os professores da rede municipal os recursos referente a 1/3 de férias, bem como os salários de janeiro de todos os trabalhadores em educação que recebem até R$ 2.065,00. Ainda de acordo com Osman Nogueira Júnior, o secretário Ricardo Machado se comprometeu a continuar efetuando os pagamentos dos demais trabalhadores em educação com os recursos que entraram na conta do Fundeb no dia 30 de janeiro. A previsão é de que até o dia 10 de fevereiro toda a folha de pagamento dos trabalhadores em educação esteja concluída.

Com relação ao pagamento dos salários do mês de dezembro, Osman Nogueira informou até o próximo sábado estarão sendo liberados os vencimentos para os trabalhadores em educação que recebem até R$ 916,00, com os recursos que foram desbloqueados esta semana pelo juiz de direito substituto da 2ª Vara de Feitos de Relação de Consumo Civil e Comercial da Comarca de Ilhéus, Eduardo Gil Guerreiro, através de uma ação movida pela APPI/APLB-Sindicato. Os demais pagamentos serão discutidos na reunião da comissão que está sendo criada para avaliar e resolver as pendências.

No que diz respeito aos contratados, a APPI/APLB-Sindicato estará reivindicando na comissão o pagamento dos salários desses trabalhadores em educação, que até o momento não foi efetuado. Também nessa comissão a APPI/APLB-Sindicato estará discutindo sobre a possibilidade da revogação do decreto 006/2013 que demitiu os trabalhadores concursados, as medidas que serão adotadas para garantir o retorno desses trabalhadores e ainda a pauta da Campanha Salarial 2013.

Foto - Imprensa APPI
Foto - Imprensa APPI







terça-feira, 29 de janeiro de 2013

1/3 DE FÉRIAS E SALÁRIO DE JANEIRO

SEGUNDO O SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO RICARDO TEIXEIRA ESTARÁ NA CONTA AMANHÃ 1/3 DE FÉRIAS PARA TODOS OS PROFESSORES E SALÁRIO DE JANEIRO PARA TODOS OS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO QUE RECEBEM ATÉ  R$ 2.065,00. O SECRETÁRIO TAMBÉM SE COMPROMETEU A CONTINUAR EFETUANDO PAGAMENTO COM OS RECURSOS QUE ENTRARÁ NA CONTA DO FUNDO NESTE DIA 30/01/2013.


REDE ESTADUAL - TABELA DE PAGAMENTO DOS SALÁRIOS EM 2013


Convocação dos Trabalhadores em Educação para Assembleia nesta quarta-feira

A APPI-APLB/Sindicato - Diretoria Sindical Costa do Cacau Convoca todos os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus para uma assembleia nesta quarta-feira (30), às 9 horas da manhã, no auditório do IME-Centro, para avaliar se as promessas feitas pelo prefeito Jabes Ribeiro foram cumpridas de fato. Em reunião com a diretoria da APPI/APLB-Sindicato realizada na manhã da última sexta-feira (25), o prefeito, garantiu que a prefeitura estaria efetuando, até a esta terça-feira (29), o pagamento dos salários do mês de janeiro dos trabalhadores em educação da rede municipal, bem como o 1/3 de férias dos professores.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Justiça libera salários de dezembro da educação para quem recebe até R$ 916,00


Imprensa Appi

Imprensa Appi

O juiz de direito substituto da 2ª Vara de Feitos de Relação de Consumo Civil e Comercial da Comarca de Ilhéus, Eduardo Gil Guerreiro, acatou mais uma vez o pedido da APPI/APLB-Sindicato-Delegacia Sindical Costa do Cacau e assinou na tarde segunda-feira (28) o ofício e o despacho autorizando ao Banco do Brasil efetuar, de imediato, o pagamento dos salários do mês de dezembro dos trabalhadores em educação que recebem até R$ 916,00. Na manhã desta terça-feira (29) o diretor da APPI, Osman Nogueira Júnior, estará entregando o ofício à gerência do Banco do Brasil e a previsão é de que os recursos estejam nas contas dos trabalhadores nesta quarta-feira (23).

Durante toda a manhã desta segunda-feira os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus realizaram uma vigília no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, como forma de sensibilizar o juiz de direito para a necessidade da liberação do pagamento do mês de dezembro para quem recebe até R$ 916,00, uma vez que o dinheiro estava bloqueado e só dependia da ação da justiça. A categoria permaneceu no fórum até por volta das 15 horas, quando foram entregues o ofício e o despacho liberando os recursos.

Com relação ao pagamento dos salários do mês de dezembro dos trabalhadores em educação que recebem acima de R$ 916,00, a diretoria da APPI estará se reunindo com uma comissão que está sendo criada pelo executivo municipal para que seja encontrada uma alternativa o mais rápido possível. Nessa comissão será discutido ainda, dentre outras questões, o pagamento do 13º salário dos trabalhadores em educação contratados, a possibilidade da revogação do decreto 006/2013 que demitiu trabalhadores concursados e ainda a pauta da Campanha Salarial 2013.

Os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus também estarão realizando uma assembleia nesta quarta-feira (30), às 9 horas da manhã, no auditório do IME-Centro, para avaliar se as promessas feitas pelo prefeito Jabes Ribeiro foram cumpridas de fato. Em reunião com a diretoria da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, realizada na manhã da última sexta-feira (25), o prefeito, garantiu que a prefeitura estaria efetuando, até a esta terça-feira (29), o pagamento dos salários do mês de janeiro dos trabalhadores em educação da rede municipal, bem como o 1/3 de férias dos professores.

domingo, 27 de janeiro de 2013

Trabalhadores em educação da rede municipal farão nova vigília em frente ao Fórum nesta segunda-feira

Os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus estarão realizando uma vigília em frente ao fórum Epaminondas Berbert de Castro nesta segunda-feira (28), como forma de sensibilizar o juiz de direito substituto da 2ª Vara de Feitos de Relação de Consumo Civil e Comercial da Comarca de Ilhéus, Eduardo Gil Guerreiro, para que determine o desbloqueio dos recursos para o pagamento do salário do mês de dezembro dos trabalhadores em educação que recebem até R$ 916,00. Os arquivos contendo a folha de pagamento, uma das exigências para a liberação dos recursos, já foi encaminhada pela prefeitura de Ilhéus para o Banco do Brasil, restando apenas a decisão da justiça para a liberação dos recursos.

Uma comissão já está sendo criada para buscar formas de pagamento dos salários de dezembro dos trabalhadores em educação que recebem mais de R$ 916,00. A comissão também vai discutir, dentre outras questões, o pagamento do 13º salário dos contratados, a possibilidade da revogação do decreto 006/2013 que demitiu trabalhadores concursados e ainda a pauta da Campanha Salarial 2013.


sábado, 26 de janeiro de 2013

Prefeito garante pagamento dos salários de janeiro da educação e 1/3 de férias

Em reunião com a diretoria da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, realizada na manhã desta sexta-feira (25), o prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, garantiu que a prefeitura estará efetuando, até a próxima terça-feira (29), o pagamento dos salários do mês de janeiro dos trabalhadores em educação da rede municipal, bem como o 1/3 de férias dos professores. A categoria conseguiu ainda do prefeito a garantia do pagamento do mês de dezembro para os trabalhadores em educação que recebem até R$ 916,00 líquido, com os recursos que foram bloqueados pela justiça. Também foi criada uma comissão que estará analisando dentre outras questões, o pagamento do 13º salário dos contratatos, a conclusão do pagamento da folha do mês de dezembro, a possibilidade da revogação do decreto 006/2013 que demitiu trabalhadores concursados e ainda a pauta da Campanha Salarial 2013.

Logo após a reunião com o executivo municipal, os trabalhadores em educação realizaram uma assembleia na Câmara de Vereadores para avaliar as propostas apresentadas pelo governo e decidiu fazer uma nova reunião na próxima quarta-feira (30), às 9 horas da manhã, no auditório do IME-Centro, para avaliar se as promessas feitas pelo prefeito foram cumpridas de fato. Na quarta-feira os trabalhadores em educação já saberão se realmente foi efetuado o pagamento dos salários do mês de janeiro e o 1/3 de férias dos professores, como foi garantido.

A categoria também decidiu realizar uma vigília em frente ao fórum Epaminondas Berbert de Castro na próxima segunda-feira (28), como forma de sensibilizar o juiz de direito substituto da 2ª Vara de Feitos de Relação de Consumo Civil e Comercial da Comarca de Ilhéus, Eduardo Gil Guerreiro, para que determine o desbloqueio dos recursos para o pagamento do salário do mês de dezembro dos trabalhadores em educação que recebem até R$ 916,00. Os arquivos contendo a folha de pagamento, uma das exigências para a liberação dos recursos, já foi encaminhada pela prefeitura de Ilhéus para o Banco do Brasil, restando apenas a decisão da justiça para a liberação dos recursos.




sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

“Aposentado sim, ativo sempre”. Manifestação marca o Dia Nacional de Luta do Aposentado

Em todo o país, manifestações e protestos chamam a atenção para as dificuldades que enfrentam os aposentados.Em Salvador, a manhã desta quinta-feira (24), escolhida para celebrar o Dia Nacional de Luta dos Aposentados foi marcada pela fé e desejo de mudanças.  A busca por mais respeito, dignidade e valorização foi o que moveu um grande número de aposentados neste dia de luta na Praça da Piedade. A APLB-Sindicato mais uma vez esteve presente incentivando a luta e defesa dos trabalhadores em Educação.

 

A diretora da entidade Luzia Freitas, em parceria com outros membros da diretoria, defendeu as principais bandeiras de luta dos aposentados. Dentre as principais reivindicações: a garantia do Piso Salarial dos Aposentados do nível médio; paridade entre os ativos e aposentados; política de valorização dos aposentados; campanha salarial específica dentro da pauta do governo, entre outras. Sobre a importância do Dia Nacional de Luta dos Aposentados, a diretora Luzia Freitas destacou que “é um dia que nós nos empenhamos em buscar nossos direitos que estão no Estatuto e na Constituição”. A aposentada Sônia Real, afirmou que a APLB-Sindicato sempre deu cobertura para esta luta dos aposentados. Ela é ex-dirigente da APLB, mas continua representando a entidade no Fórum e Conselho Municipal dos Idosos.

 

Participação massiva

 

Os trabalhadores em Educação vestiram camisas com os dizeres “Aposentado sim, ativo sempre!”, que revelavam o espírito de luta da categoria. Ailena Freitas, aposentada há 13 anos, destacou a motivação do movimento e apoio da APLB-Sindicato. “Tem que fazer sempre um movimento, sim. Se pararmos é pior. A parceria do Sindicato fortalece o nosso grupo. Temos que continuar lutando”, afirmou. Para a aposentada Raimunda Araújo, do município de Rui Barbosa, o apoio do Sindicato é de extrema importância, principalmente no que diz respeito ao tratamento legal destes esforços. “A parceria existe e é muito importante, mas acho que também é preciso dar uma maior ênfase no suporte jurídico para que se possa contemplar de maneira ampla a garantia dos direitos já adquiridos”, explicou. Mas, outros trabalhadores estavam no protesto como o cobrador de ônibus aposentado João Fróes. “Estou aqui em busca de valorização e respeito. É revoltante a situação dos aposentados no Brasil”, criticou.

 

A manifestação que contou com a participação de diversos trabalhadores e associados da ativa, teve início às 8 horas, na missa realizada na Paróquia de São Pedro e logo após, às 9 horas, várias entidades sindicais e associações saíram em passeata junto com os aposentados em direção ao Campo Grande.

 

Foguetes, apitos, cartazes, carros de som, camisas que traduziam o espírito de luto e diversas faixas com frases como: “País sem memória. Somos os heróis esquecidos de um país que não é para todos”; “Trabalhadores, nós somos vocês amanhã”, transformaram a manifestação num movimento amplo e fortalecido. Além da APLB-Sindicato a atividade de protesto contou com o apoio e liderança de associações, sindicatos filiados e entidades sindicais como a Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos (COBAP); Federação das Associações de Aposentados, Pensionistas e Idosos (FEASAPEB); a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB Bahia); a Casa dos Aposentados (ASAPREV); Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Petrobras (ASTAPE-BA) e outras.

 

Foto: Walmir Cirne


quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

APPI convoca trabalhadores em educação para vigília em frente ao Palácio Paranaguá

Diretor Osman Nogueira
Imprensa /APPI
 
O diretor da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, Osman Nogueira Júnior, concedeu entrevista nesta quinta-feira na Rádio Conquista FM convocando os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus para uma vigília em frente ao Palácio Paranaguá na manhã desta sexta-feira (25), a partir das 10 horas, durante o momento em que acontecerá a audiência da categoria com o prefeito Jabes Ribeiro. Na reunião a APPI discutirá com o prefeito sobre o pagamento dos salários do mês de dezembro de todos os trabalhadores em educação e também o 1/3 de férias dos professores que ainda estão em aberto.

Logo após a audiência com o prefeito será realizada uma assembleia da categoria em frente ao Palácio Paranaguá para discutir sobre a proposta de pagamento apresentada pelo executivo municipal e decidir os rumos do movimento. Um dos indicativos dos trabalhadores em educação é de que o ano letivo só será iniciado com a regularização das pendências.

Resultado de perícia médica poderá ser entregue por escrito ao segurado do INSS

A Câmara analisa proposta que obriga o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a informar por escrito ao segurado, ao final do procedimento, o resultado da perícia médica para concessão de aposentadoria por invalidez, auxílio-doença e auxílio-acidente. A medida está prevista no Projeto de Lei 4526/12, do deputado Eduardo Barbosa (PSDB-MG).

Para o deputado, o documento deve subsidiar qualquer contestação judicial contra o resultado das perícias. “Em alguns casos, a perícia médica do INSS nega ao segurado o direito de continuar a perceber o benefício sem que, de fato, o mesmo esteja apto para o retorno ao trabalho ou para o exercício de suas funções habituais”, argumentou.

Pela proposta, nos casos de perícia para concessão de auxílio-acidente, o documento entregue pelo INSS ao segurado deverá conter as sequelas definitivas observadas pelo médico.

Auxílio doença – 

A Câmara já havia aprovado, no final do ano passado, a obrigação da entrega do documento com resultado por escrito nos casos de perícia para auxílio-doença (PL 7209/10). Mas, para Barbosa, a medida deveria ser ampliada também para os requerimentos de aposentadoria por invalidez e auxílio-acidente.

Tramitação

A proposta, que tramita caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Carolina Pompeu
Edição – Marcelo Westphalem