APLB

sábado, 21 de abril de 2012

Sinpojud apoia greve dos professores e mobiliza categoria

 A diretoria executiva do Sinpojud convoca a categoria do judiciário para participar, nesta terça-feira (24), a partir das 14 horas, de mobilização na Assembleia Legislativa da Bahia, no CAB.

DISCUSSÃO SOBRE LIMITES DE ILHÉUS


      CONVITE



A participação popular no processo de discussão dos problemas da nossa cidade é instrumento importante para que possamos construir juntos a cidade que queremos. Vamos resgatar e valorizar o que é nosso. Ilhéus é nossa. Vamos defender nossos LIMITES. Venha discutir o assunto conosco na próxima 4ª FEIRA, DIA 25, ÀS 16 HORAS na CÂMARA DE VEREADORES.
SUA PRESENÇA É MUITO IMPORTANTE!


EU AMO  ILHÉUS.  E VOCÊ?


CNTE FAZ MOÇÃO DE APOIO AOS TRABALHADORES DA REDE ESTADUAL DA BAHIA

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, entidade representativa de mais de 2,5 milhões de profissionais da educação básica pública no Brasil, à qual a APLB/BA – Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia é afiliada, vem a público manifestar seu irrestrito APOIO à greve dos educadores estaduais da Bahia, por entender que a luta pelo Piso Salarial Nacional do Magistério, por melhores condições de trabalho e pela qualidade social da educação pública é legítima.
Para a CNTE, somente mobilizados e organizados, os(as) trabalhadores(as) em educação poderão construir uma escola pública gratuita e de qualidade para todos e em todos os níveis e modalidades de ensino. A deflagração de greve é o último recurso usado na luta por melhores condições de trabalho.
Neste sentido, a Confederação espera que o governador, Jaques Wagner, abra o canal negociação, reconhecendo, na prática, o direito constitucional à livre associação sindical e, consequentemente, o direito de negociar as suas condições de trabalho e perspectivas de carreira para o funcionamento permanente da educação pública.
Assim, a CNTE endossa a necessidade de que seja encaminhada, com urgência, uma proposta concreta para as reivindicações da categoria, uma vez que a Lei do Piso Salarial Nacional do Magistério é uma conquista, não somente para os trabalhadores em educação, mas também para a sociedade brasileira, uma vez que a valorização do educador reflete na melhoria da qualidade da educação.
Fonte: CNTE

PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE ILHÉUS PARTICIPARAM DE ASSEMBLEIA E A GREVE CONTINUA


Em assembleia na tarde de ontem, 20 de abril, no auditório do CEEP(Colégio Estadual de Ilhéus), os professores decidiram manter a greve instaurada na rede estadual desde o dia 11 de abril. Mesmo com a notícia de que o governo vai cortar o ponto dos profissionais,a greve continua.
Depois da assembleia, os professores com o apoio de estudantes da rede estadual fizeram uma caminhada com panfletagem pelas ruas do bairro do Malhado.







SEC pressiona diretores de escolas a informar nomes dos professores em greve

Em Ilhéus, parte dos diretores das escolas estaduais, assinaram um manifesto e entregaram a DIREC, comunicando que não enviarão as faltas dos professores. PARABENS a esses diretores. Valeu a pena lutar por eleição direta! Estaremos divulgando, tão logo tenhamos acesso,os nomes dos diretores que enviaram as faltas traindo a luta da categoria.