APLB

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

1ª parcela do 13º salário da rede municipal já está disponível

A primeira parcela do 13º salário dos trabalhadores da Rede Municipal já está disponível nas respectivas contas. A previsão é de que a segunda parcela seja quitada até o próximo dia 20 de dezembro.

APPI entrega ao prefeito eleito pauta da Campanha Salarial 2017

Em reunião dos sindicatos com o prefeito eleito Mário Alexandre, a diretoria da APPI/APLB-Sindicato protocolou a pauta da campanha salarial 2017, aprovada pela categoria em assembleia, tendo em vista que a data base dos trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus é 1º de janeiro. O documento já havia sido protocolado também na Prefeitura de Ilhéus para que fossem iniciadas as discussões entre governo e trabalhadores.

Dentre os pontos aprovados pela categoria está o reajuste salarial para todos os profissionais de educação, exceto professores, no percentual de 30% sobre os salários pagos em dezembro de 2016. Já para os profissionais do magistério está sendo solicitado o cumprimento da lei do piso nacional, com a atualização da tabela, garantindo os percentuais de reajuste entre os padrões, níveis e referências.

Além da questão salarial, na pauta de campanha constam ainda itens como o adicional de noturnidade, vale transportes, ticket alimentação, reposição de aulas, número de alunos por sala, prestação de contas à Previdência e ao FGTS, valorização dos profissionais de educação, saúde do trabalhador, segurança nas escolas, calendário anual de pagamento, liberação para participação em assembleias, dentre vários outros pontos.

DIÁLOGO – Durante o encontro com o prefeito eleito Mário Alexandre o presidente da APPI, Osman Nogueira Junior, destacou a importância da abertura do diálogo com os trabalhadores e da transparência nas ações. Já a diretora intermunicipal da APPI, Enilda Mendonça, reafirmou que o sindicato estará aberto para colaborar com o governo municipal de forma responsável e propositiva, mas que não abrirá mão de nenhum direito da categoria.


Trabalhadores em educação de Canavieiras permanecem ocupando a Secretaria de Educação



Desde a manhã da última terça-feira (13) os trabalhadores em Educação da Rede Municipal de Canavieiras permanecem ocupando as dependências da Secretaria municipal de Educação em sinal de protesto contra o atraso no pagamento dos salários referentes ao mês de novembro.

Em assembleia da categoria realizada nesta quinta-feira, os trabalhadores decidiram continuar no prédio até que o governo municipal realize o pagamento dos salários atrasados e garantem que permanecerão no local por tempo indeterminado. Na avaliação da categoria, a ocupação foi uma forma de mostrar que os trabalhadores não aceitam o atraso e exigem que os salários sejam regularizados.