APLB

quarta-feira, 16 de março de 2016

Seminário discutiu a situação do EJA e desafios para cumprimento da Meta 1



Como parte das atividades da Greve Nacional dos trabalhadores em educação, a APPI/APLB-Sindicato, em parceria com o Conselho Municipal de Educação, Secretaria de Educação e União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, realizou nesta terça-feira, durante todo o dia, no Centro de Convenções de Ilhéus, o seminário com o tema “Desafios e perspectivas do sistema municipal de ensino na Educação de Jovens e Adultos e na universalização da educação infantil”.

De acordo com o presidente da APPI, Osman Nogueira Junior, objetivo do encontro foi aproveitar esse momento de reflexão e de luta da categoria para abrir o debate sobre importantes questões ligadas à educação e direito dos trabalhadores, principalmente no que diz respeito à situação do EJA nas redes estadual e municipal e também a educação infantil. Além das palestras e mesas redondas, o seminário também contou com debates, onde os trabalhadores em educação tiveram a oportunidade de questionar, propor, esclarecer duvidas e discutir sobre a atual situação do ensino público e privado.

No período da manhã o seminário foi aberto pela professora Inês Ocké, representante da Secretaria de Educação, que falou sobre um olhar da Rede Municipal com relação à Educação de Jovens e Adultos. Em seguida a professora Marlene Andrade, falou sobre a visão da Rede Estadual sobre a EJA. Já a professora Marilene Araújo abordou o olhar da EJA sob o ponto de vista da experiência docente. Em seguida foi a vez do debate moderado pela professora Isaura Fonseca, do Conselho Municipal de Educação.

Na parte da tarde os debates foram sobre a universalização da educação infantil em 2016 em cumprimento à Meta 1 dos planos Nacional e Municipal de Educação (PNE/PME), tendo como palestrante a professora Gilvânia Nascimento, presidente da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, que falou sobre os aspectos legais, os desafios  e a necessidades de se cumprir o que determina a legislação.

Iniciando a mesa redonda de discussões, a professora Simone Dias, representando a Secretaria Municipal de Educação, falou sobre a organização da Rede Municipal para o cumprimento da Meta 1 do PNE/PME. Já a professora Eliomara das Neves falou sobre o papel da educação privada no cumprimento do Meta 1 e a professora Áurea Tomaz abordou os desafios do cotidiano de quem trabalha nas escolas de educação infantil.