APLB

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

REDE ESTADUAL - Ato de protesto dia 17, na Lavagem do Bonfim



O ginásio de esportes do Sindicato dos Bancários esteve lotado pelos trabalhadores em Educação durante a Assembleia Geral da categoria realizada na manhã desta terça-feira (8). A primeira assembleia do ano de 2013 mostrou mais uma vez  a força da categoria que se mostrou muito mais unida e confiante.
O coordenador da APLB-Sindicato, Rui Oliveira registrou a presença de mais de 20 dirigentes regionais na assembleia que contou com a participação massiva dos trabalhadores do interior. Também foi evidenciado pelos diretores da APLB-Sindicato e trabalhadores quando do uso da palavra que a categoria não é divida em capital e interior, mas sim uma só força, uma só classe com garra e disposição para lutar por novas conquistas.
E os trabalhadores em Educação chegam em 2013 com força total. Uma assembleia geral está definida para o dia 09 de abril, às 9 horas, no ginásio de esportes do Sindicato dos Bancários, nos aflitos.
Durante a assembleia, Rui Oliveira realizou uma moção de pesar pela morte da professora Georgina Oliveira, de 58 anos que lecionava nos colégios Eraldo Tinoco e Getúlio Vargas. A vice-coordenadora da entidade Marilene Betros, rendeu homenagens ao   professor Raimundo Ferreira, o   “Professor Raimundão”, ex-diretor regional da APLB-Sindicato que morreu no dia 2 de janeiro, no município de Ilhéus.
Foram também apresentados à categoria diversos educadores que foram eleitos e exercem mandatos de vereadores. Na oportunidade o vereador eleito Hilton Coelho ( PSOL )  fez uso da palavra e elogiou a garra e união da categoria.
Dentro da agenda de luta do ano de 2013 foi decidida a realização de uma paralisação com protesto e caminhada junto com a Fetrab, na quinta-feira, 17 de janeiro, dia da Lavagem do Bonfim. A concentração será às 8 horas, no posto de gasolina em frente à igreja da Nossa Senhora da Conceição da Praia. As camisas serão distribuídas na sede da Aplb-Sindicato.
Após os informes gerais, Rui Oliveira franqueou a palavra para os educadores e em seguida colocou a agenda de luta em votação, que foi aprovada majoritariamente pela categoria.


AGENDA DE ATIVIDADES
APROVADA NA ASSEMBLEIA DE 8 DE JANEIRO DE 2013