APLB

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

I FEIRA CULTURAL DO PROJOVEM URBANO ILHÉUS-BAHIA


PROFESSORES DE ILHÉUS VÃO ADERIR À PARALISAÇÃO DA REDE ESTADUAL

Em assembleia realizada na tarde desta quarta-feira, dia 14, no auditório do Centro Estadual de Educação Profissional (Antigo Colégio Estadual), os professores da rede estadual de Ilhéus confirmaram que vão  seguir a decisão tomada na assembéia realizada pela APLB-Sindicato, em Salvador, de realizar nesse mês de novembro duas paralisações, sendo uma no próxima terça-feira, dia 20 (Dia da Consciência Negra) e outra no dia 27.

O motivo da paralisação é o calendário letivo para 2013 na rede estadual. A proposta da APLB-Sindicato, aprovada em assembléia, é que o calendário letivo do próximo ano seja único e não dois, como pretende o governo estadual. Pela proposta da APLB-Sindicato, o ano letivo de 2013 seria iniciado em 11 de março e encerrado no dia 20 de dezembro. No total serão 190 dias normais e mais 10 sábados, totalizando os 200 dias letivos determinados pela LDB.

PROFESSOR DA REDE MUNICIPAL DEFENDE TESE DE DOUTORADO NA UFBA


O PROFESSOR GIOVANI BARBOSA DEFENDERÁ TESE DE DOUTORADO, NO PRÓXIMO DIA 20/11, NA UFBA. DESEJAMOS BOA SORTE E SUCESSO!




Assembleia da REDE ESTADUAL aprova proposta de calendário letivo único e paralisação nos dias 20 e 27 de novembro


Fotos: Walmir Cirne

Em assembleia, da rede estadual, realizada na manhã desta quarta-feira, 14 de novembro, a categoria decidiu que o calendário letivo para 2013 deve ser ÚNICO – como propõe a APLB-Sindicato – e não dois, como pretende o governo estadual.

Os professores decidiram também fazer duas paralisações. Uma na próxima terça-feira, 20 de novembro (Dia Nacional da Consciência Negra) e realizar uma manifestação, seguida de passeata, saindo da Praça do Campo Grande e indo até a Praça da Piedade. A concentração na Praça do Campo Grande será às 15 horas.

A outra paralisação  será realizada com assembleia no dia 27 de novembro, às 9 horas. O local ainda está indefinido (se houver agenda, será na quadra de esportes do Sindicato dos Bancários, na Ladeira dos Aflitos, em Salvador, onde foi realizada a assembleia desta quarta, 14).

Calendário do ano letivo 2013, proposta pela APLB-Sindicato e aprovada na assembleia:




NOVA PARALISAÇÃO DE ADVERTÊNCIA NA REDE MUNICIPAL

Diante do atraso no pagamento dos salários referentes ao mês de outubro, os trabalhadores em educação da Rede Municipal de Ensino de Ilhéus decidiram, em assembleia realizada na tarde desta terça-feira, dia 13, no auditório do IME-Centro, fazer uma nova paralisação de advertência, desta vez de dois dias, na segunda-feira (19) e na terça (20). A categoria já havia feito uma paralisação de advertência na última segunda-feira, em sinal de protesto, mas como os salários não foram quitados, a decisão da assembleia foi realizar um novo movimento.

Os trabalhadores em educação decidiram ainda que vão realizar uma nova assembleia na próxima terça-feira (20), às 14 horas, no auditório do IME-Centro, para avaliar os rumos do movimento. Logo depois o grupo seguirá em passeata para a praça J.J.Seabra, em frente ao Palácio Paranaguá, onde acontecerá um ato público como forma de sensibilizar  o prefeito de Ilhéus, Newton Lima, para a necessidade de pagamento dos salários dos trabalhadores em educação.

Já os professores contratados decidiram, também em assembleia, que não mais trabalharão a partir do dia 1º de dezembro. O motivo seria o atraso no pagamento de salários e a falta de garantias quanto ao pagamento do salário de dezembro. Os trabalhadores em educação vão tentar encerrar as atividades até o dia 30 de novembro e garantiram que vão informar sobre a decisão à direção das unidades escolares para que possam encontrar uma solução sem prejudicar o ano letivo dos alunos. Os contratados reconhecem os prejuízos para o ensino público, mas garantem que nesse momento está em jogo o respeito aos trabalhadores que tem mostrado dedicação ao longo de todo esse ano, mas que não vem sendo tratados com dignidade por parte do governo municipal.