APLB

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

FESTIVAL DE TALENTOS DA EJA FOI UM SUCESSO




Ontem, 09 de novembro de 2010, aconteceu no Teatro Municipal de Ilhéus, o IV Festival de Talentos da EJA da Rede Municipal de Ensino de Ilhéus.
O objetivo desse evento é valorizar as habilidades dos alunos da EJA, possibiltando o fortalecimento da auto estima e promoção do resgate cultural através das várias formas da linguagem artística.
Além das apresentações no palco do TMI-Teatro Municipal de Ilhéus, as Escolas Barra de Itaípe e Nucleadas de Areia Branca fizeram exposição no foyer, de artesanatos, demonstração de culinária e outras artes em geral.
A abertura do evento contou com a participação de alunos do Colégio São Jorge dos Ilhéus que apresentaram uma coreografia do Thriller de Michel Jackson. Em seguida foi a vez do professor e músico Maikel Lélis que deu um show com seu Violino.
As escolas que participaram desse festival foram: Grupo Escolar da Barra(Municipalizada); CAIC Darcy Ribeiro; Escola Nucleada do Couto; Escola Nucleada de Olivença; Escola Nucleada de Areia Branca; Escola Nucleada de Banco Central; Escola Nucleada de Inema; IME-Centro, Escola Municipal Princesa isabel; Escola Municipal do Salobrinho; Escola Municipal Temístocles Andrade; Escola Municipal do Banco da Vitória e a Escola Municipal Vovô Isaac.
A APPI esteve presente nesse evento e parabeniza a todos os gestores, professores, coordenadores, SEDUC e principalmente a todos os estudantes que participaram desse brilhante festival.

PLATAFORMA FREIRE ABRE PRÉ INSCRIÇÕES PARA CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES

Já estão abertas, na Plataforma Freire, as pré-inscrições para os cursos de Formação Inicial do primeiro semestre de 2011. Serão ofertadas 2.970 vagas, na modalidade presencial, para a formação em primeira e segunda licenciatura e formação pedagógica dos professores da rede pública de ensino. Para a formação continuada serão disponibilizadas 110 vagas para o curso de 60h em Educação Ambiental: Escolas Sustentáveis e Com-Vida, na modalidade EaD. A pré-inscrição deve ser efetuada até o dia 30 de novembro de 2010, no portal http://freire.mec.gov.br.
Essa é uma grande oportunidade para todos os professores da rede pública que não possuem licenciatura ou aqueles que possuem fora da área de atuação. Há oferta de cursos para Pedagogia, Educação Física, Ciências Naturais, Biologia, Física, Matemática, Química, Filosofia, História, Geografia, Sociologia, Letras, Língua Espanhola, Inglesa e Artes.
O Novo Programa de Formação dos Professores é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) em parceria com a Secretaria da Educação do Estado da Bahia, por meio do Instituto Anísio Teixeira (IAT). A ação é desenvolvida em parceria com as instituições de ensino superior e atende aos professores da rede estadual e municipal de ensino, inclusive aqueles que estão perto de se aposentar e em regime Reda.
Este ano, na Bahia, foram disponibilizadas mais de 37 mil vagas que atendem a diversas áreas do conhecimento, sendo 1.525 na modalidade a distância. Para isso, foram ampliados os polos formadores, com o total de 33 presenciais e 56 a distância (através do sistema Universidade Aberta do Brasil - UAB).
Para fazer sua inscrição acesse o site http://freire.mec.gov.br/index-static

O QUE É A SÍNDROME BURNOUT?



Síndrome de burnout é um estado de estresse por conta de exercício laboral desgastante emocionalmente. Isso é muito presente com quem lida com o público, por força do chamado "vampirismo emocional". Se aceitamos a tese de Sartre que o inferno é o outro, podemos entender como é desgastante atender multifacetadas pessoas, com seus problemas e modos peculiares de se relacionar (passividade, agressividade, assertividade, introspecção, projeção, paranóia). Quando o outro invade nosso espaço, os limites daquilo que nos faz únicos pode ser abalado. Em trabalho com o público há necessariamente esta invação. Sem um devido treino de atendimento ao público, essa atividade pode trazer-nos um estado de exaustão, um dispêndio maior de nossas energias, trazendo-nos fátiga, um cansaço que não passa, um acordar já cansado, um certo nível de angústia (como se estivessemos num quarto trancado sem possibilidade de sair) que minam a nosssa qualidade de vida e tira o prazer do trabalho, com comportamentos evitativos, de fuga e agressividade com os outros ou apatia. Penso que essa sindrome pode se modular tanto por uma ansiedade generalizada como por uma distimia (depressão leve e persistente). Ou seja, pode ser exaustão e crise de identidade no trabalho, fatiga extrema ou mesmo distimia, mas no fundo há a síndrome, isto é, um complexo de fatores ligados ao ambiente de trabalho que causam insatifação e desânimo no afetado, fazendo-o merecedor de cuidados. Quanto ao tratamento, penso que a terapia cognitivo-comportamental é útil, em especial o treino de assertividade (capacidade de exprimir o que pensa e sente , sem agredir ou denotar passividade). Também técnicas de relaxamento e monitoramento de pensamentos disfuncionais no atendimento ao público. o ambiente de trabalho deve sofrer reeengenharia.
Leia mais sobre essa síndrome através do site: http://www.artigos.com/. É só buscar o assunto a síndrome bournout.