APLB

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

URUÇUCA: CATEGORIA FECHA ACORDO E MANTEM DIREITOS

URUÇUCA: CATEGORIA FECHA ACORDO E MANTEM DIREITOS

Reunidos em Assembléia Geral permanente, das 9:00h da manhã até as 17:00h, os Professores e Professoras da Rede Municipal de Uruçuca celebraram um acordo com o Governo Municipal re-estabelecendo a carga horária reduzida de forma indevida e evitando uma série de alterações que certamente jogariam por terra todas as conquistas do Plano de Cargos e Vencimentos do Magistério Municipal. Vejam os termos do Acordo:




*ELEIÇÃO DIRETA PARA GESTOR E VICE-GESTOR:
  • Posse dos Gestores eleitos em Novembro/2008: Será aguardada a decisão Judicial;

  • Data das futuras eleições para Gestores e Vices: o mês de Eleições será maio e a posse será em junho.

*DIFERENÇA ENTRE NÍVEIS I E II:

  • O percentual será de 42% (quarenta e dois por cento).

*REDUÇÃO DE CARGA HORÁRIA APÓS ANOS DE TRABALHO:

  • Os Parágrafos 5º e 6º do art.26 do Plano de cargos e Salários serão revogados.

Para as Professoras e Professores, presentes na Assembléia, a importância do acordo é que ele passa a vigorar em toda sua plenitude, "é a primeira vez que um plano de Cargos e Salários passará realmente a vigorar em nosso Município, esta é uma grande conquista para nossa categoria".

Para a Professora Divaritana, a mobilização da categoria e o acordo selado é a demonstração de que o Sindicato vem desenvolvendo um trabalho sério e sem coloração partidária, "A categoria andava dispersa e seus direitos acabavam se perdendo. Reconstruímos o Núcleo Sindical a pouco mais de um ano. Agora estamos unidos e garantindo a manutenção dos nossos direitos. Somos funcionários do Município, não importa a coloração partidária do Gestor Municipal. Nossa categoria sabe disso e por isso estamos unidos e fortes" concluiu a Professora Divaritana, que é a Coordenadora do Núcleo Sindical de Uruçuca.

Para a Professora Enilda Mendonça, Vice-Presidente da APPI-APLB/Sindicato, que participou das negociações, venceu o bom senso. "A categoria queria o diálogo e a negociação, o Governo queria o mesmo. Prevaleceu o entendimento das duas partes que debateram e chegaram a um senso comum. O importante á garantir as condições para que Uruçuca tenha uma educação de qualidade e que os professores tenham uma carreira, estimulando que mais pessoas queiram se tornar profissionais da educação em Uruçuca" concluiu Enilda Mendonça.