APLB

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

OAB apoia servidores demitidos em Ilhéus e entra na campanha de doação de alimentos




A diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB\Sub-seção de Ilhéus, atualmente presidida pelo advogado Martoni Maciel, manifestou apoio aos antigos servidores municipais demitidos por decreto pelo prefeito Mário Alexandre Sousa, no início deste mês. A entidade vai reforçar a campanha pela arrecadação de alimentos para suprir a necessidade dos servidores mais vulneráveis atingidos pela demissão.

Além de promover ação social em prol dos servidores demitidos, a OAB de Ilhéus também promove campanha de arrecadação de roupas e outros suprimentos, a exemplo de água mineral, em auxílio às vítimas da tragédia ocorrida em Brumadinho, Minas Gerais, na última sexta-feira, com o rompimento de uma barragem de rejeito de minério da Vale.


“A OAB é um espaço democrático e a Casa da Cidadania! Independentemente do mantido auxílio prestado às vítimas da tragédia em Brumadinho, é justa e merecida a solidariedade à situação dos servidores públicos ilheenses, trabalhadores que precisam de apoio material para sustento próprio e familiar. A OAB/BA - Subseção Ilhéus - manifesta atenção ao funcionalismo público do Município atingido pela extinção de vínculo em massa”, diz a nota divulgada pela entidade.

A Subseção da OAB/BA de Ilhéus receberá os donativos e doações em prol dos servidores recém-despedidos, especialmente alimentos não perecíveis e itens de higiene pessoal que compõem a cesta básica, na sede institucional, localizada na Rua Quatorze de Agosto, nº 80, no Bairro Boa Vista, próximo ao Estádio Municipal Mário Pessoa. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone da OAB: (73) 3231-5805. “A OAB cumpre seu papel social”, afirma o presidente Martoni Maciel.

Campanha - Os sindicatos Sinsepi, APPI\APLB, Sindguarda, Sindiacs\ACE, realizaram nesta terça-feira, 29 de janeiro, mais uma ação da campanha de arrecadação solidária de alimentos que serão doados aos servidores demitidos mais vulneráveis. Desta vez, a ação aconteceu em um trecho do Bairro da Conquista, cujos moradores foram solidários à luta dos trabalhadores demitidos injustamente e doaram dezenas de quilos de alimentos durante a caminhada.