APLB

quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Sindicato atualiza informes em reunião com servidores não docentes

Em reunião com os servidores não docentes, na terça-feira (12), às 15h, a APPI atualizou informes, abordando avanços e esclarecendo questionamentos dos presentes sobre temas de interesse da categoria como reajuste salarial, valorização profissional, adoecimento, adicional de insalubridade para auxiliares de serviços gerais, de periculosidade para merendeiras, fardamento para porteiros/vigilantes e férias de professores. No item da pauta sobre salários, o sindicato informou que a campanha deste ano foi encerrada e uma nova será realizada em 2020.


CONVITE - Reunião escolas Sá Pereira e Horizontina Conceição


sábado, 9 de novembro de 2019

Conselho Sindical debate estratégias de mobilização da categoria

 
A Delegacia Costa do Cacau realizou na tarde deste sábado (09) um Conselho Sindical, com o objetivo de debater os problemas e desafios de Ilhéus e núcleos sindicais de Canavieiras, Itacaré, Una e Uruçuca.
 
O encontro também definiu estratégias e a necessidade de mobilização da categoria em defesa dos direitos trabalhistas que vêm sendo retirados nesses municípios.
                           

Reunião com servidores afastados informa sobre processos e entrega cestas básicas

Servidores municipais afastados da Prefeitura foram atualizados pelo sindicato sobre ações do jurídico, em reunião realizada na tarde de sexta-feira (08). Os diretores comunicaram as recentes visitas feitas às sedes dos Tribunais de Justiça da Bahia e Regional do Trabalho, em Salvador.
 
No TJBA, em visita de agradecimento, o Desembargador Manuel Carneiro tranquilizou a categoria, afirmando que o rito do processo seguirá com a maior brevidade possível. Em janeiro, 268 trabalhadores - 125 da Educação - foram afastados pelo prefeito Mário Alexandre, o Marão, sob a justificativa de economia, mas, na verdade, ele substituiu os servidores e aumentou a despesa após a entrada dos novos servidores que assumiram os postos dos afastados de 83/88.
Advogados do sindicato descobriram que a despesa da folha de pessoal sem encargos, que em 2017 era de cerca de 12.260 milhões, saltou em 2019 para cerca de 13.700 milhões. Houve um crescimento de 1.4 milhão mesmo com o afastamentos dos servidores. Não houve redução dos gastos, mas ampliação.
 
Uma caravana dos trabalhadores seguiu para a audiência dos precatórios de Ilhéus no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), em Salvador. Representantes da Prefeitura chegaram atrasados para a audiência e não apresentaram proposta. Não houve acordo entre credores e executivo. Os trabalhadores representados pelo sindicato pediram a execução do acordo.
Na reunião de sexta, o sindicato também fez a entrega de 100 cestas básicas para os servidores em situação vulnerável de segurança alimentar. Depois, a APPI fez um agradecimento especial aos demais companheiros que colaboraram para a compra dos alimentos.

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Desembargadores do TJBA prometem brevidade ao rito do processo dos servidores afastados


 

Em visita de cortesia e agradecimento, os trabalhadores foram recebidos no TJBA, em Salvador, pela diretora da Desembargadora Silvia Zarif que marcou uma reunião com o Desembargador Manuel Carneiro. Segundo ele, o rito do processo relativo aos servidores afastados seguirá com a maior brevidade possível.
                           
Os 268 trabalhadores e trabalhadoras da Prefeitura de Ilhéus - 125 da Educação - com mais de 30 anos de serviços prestados ao município, foram afastados em janeiro, pelo prefeito Mário Alexandre, o Marão, sem ter seus direitos respeitados. O prefeito mentiu quando  justificou a demissão para economizar; na verdade, ele substituiu e aumentou a despesa que tinha com os novos servidores que assumiram os postos dos afastados de 83/88.

De acordo com advogados do sindicato, descobriu-se ainda que a despesa da folha de pessoal sem encargos, que em 2017 era de cerca de 12.260 milhões, saltou em 2019 para cerca de 13.700 milhões. Houve um crescimento de 1.4 milhão mesmo com o afastamentos dos servidores do período 83/88. Não houve redução dos gastos, mas ampliação.

Sindicato pede execução de acordo dos precatórios do município de Ilhéus

 

Uma caravana de trabalhadores seguiu para a audiência dos precatórios de Ilhéus no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), em Salvador. A Prefeitura chegou atrasada para a audiência e estava representada pelo Secretário Bento Lima e o advogado Mozart Brasil que não apresentaram proposta. Não houve acordo entre credores e executivo. Os trabalhadores representados pelo sindicato pediram a execução do acordo.

 

A retenção do ICMS e FPM para pagamento do acordo dos precatórios volta a ser conforme acordo global de março 2017. Com juros e correção monetária do período 2017/2019, a retenção mensal vai ficar em torno de 2,5 milhões. Até setembro, por flexibilização dos sindicatos, o TRT estava bloqueando apenas 900 mil.

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Frente Parlamentar debate sobre assédio moral e sexual no setor público

 
O combate ao assédio moral e sexual nos órgãos e setores públicos de Ilhéus foi tema da palestra da Professora Carla Rita Bracchi, nesta segunda-feira (04), às 16h, na Câmara de Vereadores. A reunião ordinária foi organizada pela  Frente Parlamentar em defesa de políticas públicas para as mulheres e pelo enfrentamento à violência doméstica. Representantes da APPI estiveram presentes.
 
A palestra foi um momento de escuta e diálogo sobre o combate à violência, com o objetivo de ampliar as vozes femininas no Poder Legislativo. O assédio, moral ou sexual, é configurado pelo comportamento indesejado, imoral, onde há relação de hierarquia, levando ao constrangimento de quem é subordinada/o, seja por meio de qualquer intimidação ou humilhação.


Seminário ‘Respeita as Mina’ orienta sobre enfrentamento à violência de gênero

 
Seminário no auditório da APPI abordou a questão das políticas públicas para as mulheres através da apresentação da campanha Respeita as Mina. Na tarde de sexta-feira (01), o tema foi tratado por Doranei Alves, mestra em Estudos sobre Mulheres, Gênero e Feminismos pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), especialista em Serviço Social e Seguridade Social e graduada em Serviço Social pela Universidade Católica do Salvador (UCSAL).
A educadora desenvolve estudos sobre Violência contra a Mulher, Mulheres Negras e Trabalho. Ela também atua como pesquisadora convidada no Observatório de Racialidade e Interseccionalidade (ORI) do curso de Serviço Social do Instituto de Psicologia da UFBA.
 
Estiveram presentes no seminário, Cláudia Virgínia e Maria das Graças, do Conselho da Mulher, além do vereador Makrisi.
A estratégia de gestão Respeita as Mina é voltada para o enfrentamento à violência contra as mulheres. Tem a SPM-BA como núcleo gestor, interligando em rede as ações de iniciativa da secretaria com outros órgãos do Estado e sociedade.


quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Diretoria da APPI participa do Conselho Geral da APLB

 

O presidente da APPI/APLB, Osman Nogueira, a Secretária de Imprensa, Maria das Graças, e o Secretário de Assuntos Jurídicos da entidade, Cosme Gusmão, participaram da reunião do Conselho Geral da APLB-Sindicato, no auditório do Hotel Sol Bahia, em Salvador.

O conselho reuniu representantes do sindicato no estado, dos dias 24 a 26 de outubro, para discutir a atual conjuntura e desenvolver ações que fortaleçam o papel da APLB como representante dos trabalhadores da Educação.  


As delegações dos municípios são ouvidas no planejamento das ações da APLB. Esse trabalho de escuta é importante porque as dificuldades enfrentadas pelo setor educacional no interior são as mesmas vividas em nível nacional. O momento é alarmante já que, segundo a APLB, há um processo de desvalorização e desconstrução dos planos de carreira dos profissionais da área. A luta é para barrar esse retrocesso de direitos e desmonte da Educação.

terça-feira, 29 de outubro de 2019

Moção de Solidariedade para os afastados em Ilhéus

A APLB-Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, manifesta sua solidariedade em prol dos professores de Ilhéus que foram demitidos sob a alegação de que eles não prestaram concurso público e ingressaram nos anos de 1983/1988, quando não havia concurso na época. A direção estadual da APLB-Sindicato se solidariza e pede o apoio da categoria para a distribuição de cestas básicas em apoio aos profissionais que ficaram mais vulneráveis. Para tanto, divulgamos dados da conta bancária da Delegacia de APPI-APLB-Ilhéus para o depósito de qualquer valor que possa ajudar na aquisição de alimentos: 

Banco Bradesco Conta: 475-8 Agência: 3619-0

Os alimentos doados e os valores arrecadados reforçam a campanha realizada pelas entidades sindicais representativas dos servidores municipais, no sentido de suprir a necessidade dos trabalhadores mais vulneráveis atingidos pelo afastamento abrupto da folha de pagamento da Prefeitura de Ilhéus, no dia 7 de janeiro. Além disso, a APLB Sindicato se mantém solidária e atuante junto à batalha jurídica pela reintegração destes servidores aos seus postos de trabalho.

Salvador, 29 de outubro de 2019.


sábado, 26 de outubro de 2019

Caminhada pela Paz levou mensagem sobre respeito e compromisso com a vida para as ruas de Ilhéus

 
Centenas de estudantes, professores e demais trabalhadores de escolas municipais, estaduais e da rede particular tomaram as ruas do centro de Ilhéus, na manhã deste sábado (26), em uma grande Caminhada pela Paz. O movimento, que teve concentração na Cidade Nova e seguiu até a praça da Catedral de São Sebastião, reafirmou o compromisso da Educação com a vida e o combate à violência.
 





Na Avenida Soares Lopes, os organizadores também realizaram exposição pública com premiação na Praça da Catedral, para os vencedores dos concursos de redação e boas práticas realizados ao longo do projeto ‘Ilhéus sem Violência é bem melhor’ 2019 que em sua sexta edição tratou do tema ‘Acolher e Cuidar: Viver é a melhor opção’.
 










Os prêmios distribuídos incluíram tablets, bicicletas, fones de ouvido, brinquedos, Planos Odontológicos e Consultas Oftalmológicas. Os doadores foram professora Enilda Mendonça, vereador Mikrisi, APPI, ASPRA, SEDUC, Vida Mil Saúde, Uniodonto, Cenoe, Loja Wense e Faculdade Madre Thaís. 

Participaram do projeto e compareceram hoje em seu encerramento, as escolas municipais do Banco do Pedro, Barão de Macaúbas, Basílio, Batista Memorial, Caic, Castelo Novo, Creche Dom Eduardo, Dom Tepe, IMEI, Banco da Vitória, Dourival Freitas, Sambaituba, Iguape, São Pedro, Princesa Isabel, Jardelina Azevedo, Sérgio Carneiro, Gisélia Soares, Herval Soledade, IME, Japu, Nelson de Oliveira, Odete Salma, Osvaldo Ramos, Perpétua Marques, Pinóquio, Vovô Isaac, Juerana, Malaquias Reis, Paulo Freire, Fé e Alegria, Heitor Dias, Nova Jerusalém, Barra de Itaípe, Couto; as estaduais Ceep Chocolate, Fábio Araripe, Flor do Cacau, Apae, Moisés Boahana, Rotary; e particulares Casa amarela, Mondrian e Colégio Ideal.





  
Os parceiros responsáveis pela realização e apoio ao projeto são a APPI/APLB, 2° BEIC, 68° CIPM, 69° CIPM, 70° CIPM, CIPRV, CIPE Cacaueira, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, ASPRA, ARBS, Secretaria de Educação, Secretaria de Saúde, Secretaria de Desenvolvimento Social, SAMU, Faculdade Madre Thaís e Defensoria Pública.