APLB

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Dia Nacional da Visibilidade Lésbica


 

Agosto é um mês de extrema importância para a militância lésbica nacional: o dia 29 é reconhecido como o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica. A data foi criada em 1996, durante o 1° Seminário Nacional de Lésbicas (antigo Senale, hoje Senalesbi), e o mês é voltado para lembrar a existência da mulher lésbica, as violências sofridas por elas e as pautas que o movimento reivindica.

Durante muitos anos, a militância LGBT focava muito nos homens gays e apagava as outras letras e vivências: isso não foi diferente com as lésbicas. Inclusive, a mudança na sigla de GLS para LGBT foi justamente uma tentativa de trazer o L para frente e tirá-lo da invisibilidade. Afinal, sendo invisível, é impossível ter voz e lutar por direitos.

Como diz o cantor Lulu Santos, "consideramos justa toda forma de amor". Saber respeitar as diferenças existentes entre as pessoas e suas escolhas é o que une os povos. Quando acontece o contrário, o mundo entra em guerra, por isso, respeite!

Fonte: Instagran APLB